uma (das) tristes verdades…

Photo and words by @JustinHofman (Justin Hofman) | This is a photo that I wish didn’t exist, but now that it does, I want everyone to see it. What started as an opportunity to photograph a cute little sea horse turned into one of frustration and sadness as the incoming tide brought with it countless pieces of trash and sewage. This sea horse drifts with the trash day in and day out as it rides the currents that flow along the Indonesian archipelago. This photo serves as an allegory for the current and future state of our oceans. What sort of future are we creating? How can your actions shape our planet? ____________ Entertainer and activist Zooey Deschanel (@zooeydeschanel), co-founder of the Farm Project (@farmproject), is guest curating the @natgeo feed today as we launch Planet or Plastic? (#PlanetorPlastic), a multiyear effort to raise awareness about the global plastic crisis. Check back throughout the day to see Zooey’s selection of powerful images related to ocean plastics and the threat they pose to the environment.

A post shared by National Geographic (@natgeo) on

Anúncios

(xiv) tonalidades

The Black Keys – Little Black Submarines

como não gostar de um tema onde se incluí uma das mais duras verdades deste mundo!?

I should’ve seen it glow
But everybody knows
That a broken heart is blind

se é bem verdade que fico sempre animado com esta espécie de blues rock tão típica destes rapazes do ohio, não menos verdade é que o álbum el camino de 2011 é uma beleza de som!

a propósito do el camino, cujo mais famoso tema será sem dúvida lonely boy, um dia irei aqui falar do derrick t tuggle, um genuíno ator, honesto e verdadeiro. um tipo simples que luta no submundo da fama por uma vida melhor e ainda por cima envia sempre os parabéns no facebook aos seus fãs (incluindo eu)

depois da pausa regresso ao meu alucinante final de maio…

ahhhhrrrrrrrrrrrrrrggg (o trabalho está no final!)

 

não gosto das estórias

noun_1457399_cc

nem sequer de olhar para a palavra escrita (e seguramente que esta foi a primeira [e espero última] vez que a escrevo).

não gosto das estórias porque são uma mania inglesa de negar o latim.
não gosto das estórias porque para mim todas as histórias fazem parte da história de alguém.
gosto de contos, poemas, fábulas, composições, epopeias se for preciso, mas não consigo olhar para uma estória.

por mais simples que seja a história, por mais conto de carochinha que seja, qualquer história, é sequência de acontecimentos, é tempo que passou, é a vida de alguém.

não gosto de estórias,
mas adoro as vossas histórias com todo o seu sentido!